Ribbons – Tipos e aplicações

Apesar de parecidos não são iguais. Existem diversas formulações de Ribbons. Em cada tipo, cera, misto e resina, existe mais de uma opção. A escolha correta vai depender da aplicação.

O que será impresso? Haverá necessidade de resistência? De que tipo? Alguns usuários finais de cera, por exemplo, possuem grandes expectativas para seus rótulos. Que podem ser requisitos de conformidade, de maior durabilidade ou até mesmo a impressão em substratos mais sofisticados.

Conheça os tipos de Ribbons e suas aplicações.

CERA

Ribbons para aplicações de uso geral de pouca durabilidade usados em uma variedade de aplicações comuns. A resistência da imagem é normalmente boa à excelente em papéis revestidos e, razoável em substratos sintéticos (filmes).

MISTO

A durabilidade da imagem é muito maior e melhor que os produtos de cera. Para uso em exposições ambientais específicas ou quando requisitos de resistência são uma preocupação, bem como a qualidade da imagem para desenhos, logomarcas, caracteres muito pequenos, linhas finas códigos em rotação, códigos na vertical, entre outras características.

RESINA

Ribbons a base de resina oferece imagens muito mais resistentes, como resistência ao calor acima de 200 °C. Essa formulação exige superfícies lisas e uniformes e são ideais para a impressão em filmes. Pode exigir otimização das configurações da impressora, por necessitarem de maior temperatura para a transferência, diferente das categorias de cera e mista.

Por que a escolha do Ribbon correto é tão importante?

Para obter o melhor desempenho na impressão por transferência térmica, é necessária a combinação entre sua impressora e o material onde está sendo impresso o Ribbon.

A falta de uma avaliação cuidadosa ao selecionar o Ribbon correto pode ocasionar problemas na impressão. Veja alguns exemplos abaixo:

 

BURACOS NA IMPRESSÃO
Causa: Substrato muito áspero, impróprio para TTR.

 

SOMBREAMENTO ACINZENTADO

Causa: Incompatibilidade entre o Ribbon e o substrato (base).

 

TRANSFERÊNCIA PARCIAL DA TINTA
Causa: Incompatibilidade entre o Ribbon e o substrato (base).

 

RISCOS VERTICAIS
Causa: Cabeçote térmico sujo ou filamentos queimados.

Confira no vídeo abaixo o processo de fabricação de Ribbons da Inkanto.

Fonte: iimak

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *